Morris Broderson

Nascido em 1928 na cidade de Los Angeles (Califórnia, EUA), Morris Broderson foi um prestigiado artista plástico surdo. Suas obras (especialmente pinturas) se espalham por diversos museus, como o Guggenheim, o Hirshhorn Museum e o San Francisco Museum of Modern Art, entre outros.

Broderson nasceu surdo e, ainda pequeno, aprendeu a sinalizar. “Quando tinha 14 anos, chamou a atenção de sua tia, Joan Ankrumcom um esboço que fez dela à lápis. Ela reconheceu o seu talento excepcional e o encorajou a aprofundar os seus estudos em Arte” (retirado do site do artista).

Elementos como poesia, flores, padrões orientais, infância, etc., firmaram-se como potentes fontes de inspiração para o seu trabalho e, mesmo sem se identificar com o movimento De’VIA (Arte Surda), muitas de suas criações retratam a língua de sinais e algumas das experiências surdas (fonte: People of the Eye).

Em 2011, aos 82 anos, Morris Broderson faleceu nos Estados Unidos, deixando um grande legado para as artes plásticas e também para as Artes Surdas.

 
Morris Broderson
 


Categoria: Artes Plásticas
País: Estados Unidos
Obra: “Self-portrait with hearing aids
Línguas: Inglês e American Sign Language (ASL)
Site oficial: http://www.wedgespeaks.com/morrisbroderson