George Veditz

Categoria: Outros
País: Estados Unidos
Línguas: Inglês e American Sign Language (ASL)

Há cem anos, quando a abordagem oralista consagrava-se preponderante na educação de surdos, um vídeo promovido pela NAD (National Association of the Deaf) chamava a atenção para a importância das línguas de sinais: apresentado por George Veditz, o filme de 14 minutos intitulado “The preservation of the Sign Language” compunha ao lado de outros (confira no acervo da Galladeut University, clique aqui) um conjunto de vídeos que buscavam dar força à American Sign Language (ASL) e combater qualquer possível avanço oralista no país (vale ressaltar que, após o fatídico Congresso de Milão, em 1880, os EUA foram dos poucos países participantes que assumiram a língua gestual como língua de instrução em suas escolas de surdos). Na gravação, tida como um dos primeiros registros audiovisuais em língua de sinais, Veditz (um árduo defensor surdo das L.S. nascido em 1861 e eleito presidente da NAD em 1910) faz menção à possível deterioração da ASL, anunciando também a produção de novos filmes para contribuir na preservação da língua (veja transcrição de seu discurso, clique aqui). E se hoje as produções fílmicas em L.S. pululam pela Internet, há um século – quando o cinema mudo dava os seus primeiros passos – um grupo de surdos (em que se destaca Veditz) já antecipava o uso das (então) “novas tecnologias” na luta pelos direitos das pessoas surdas. Abaixo, “The Preservation of the Sign Language” na íntegra.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s